Vamos brincar?

          


         Esses momentos de confinamento têm sido muito desafiadores e complexos. E estar em casa com as crianças é particularmente intenso. Para tentar amenizar um pouco a agitação e canalizar a energia, além de promover alguns bons momentos em família, nós temos trazido dicas de atividades para realizar em casa, lembrando inclusive de alguns materiais que estão disponíveis para download em nosso site. Mas atendendo à pedidos, nos post de hoje, trouxemos brincadeiras fáceis e divertidas para continuar promovendo essa distração. São brincadeiras educativas, que promovem a criatividade, a união e a comunicação não violenta.  

          Vamos brincar?

Caixa das surpresas!
Em uma caixa ou saquinho que não seja transparente, coloque um objeto que não quebre ou machuque. Depois disso, cubra a abertura com um pano. Fale para o pequeno colocar a mão, chacoalhar... e, através do tato e da audição, tentar descobrir o que têm lá dentro. Nada de espiar! Assim, você promove o desenvolvimento sensorial e motor, além da criatividade e das boas risadas!

Jogo das emoções
Essa atividade pode se tornar muito mais interessante e dinâmica com a utilização de nossos famosos Dados das emoções. Mas, enquanto você espera o seu kit chegar pelo correio, vamos dar umas dicas de como improvisar um jogo de reconhecimento das emoções e criação de estratégias.

Primeiro, encontre imagens de pessoas com diferentes expressões faciais em revistas ou até mesmo na internet. Depois, pergunte para seu filho qual emoção ele acha que cada uma pessoa está sentindo. Crie, com ele, hipóteses do que poderia ter causado aquilo e formas de resolver a situação caso se trate de um sentimento negativo.

Assim, vocês não só vão aprender mais sobre como cada um enxerga o outro, como também poder ter uma excelente oportunidade para conversar sobre os sentimentos e emoções que rodeiam nosso próprio cotidiano. Você pode até perguntar o que faz a própria criança ou adolescente se sentir assim, e tentar usar isso de gancho para uma excelente conversa familiar. 

Caça ao tesouro sensorial
Escolha uma cor, uma forma ou uma textura e peça para a criança procurar pela casa algo com aquela característica. Para tornar a brincadeira mais desafiadora, vocês podem definir um tempo para a busca, fazer especificações de tamanho e até aumentarem a quantidade para três objetos, por exemplo.

Formando palavras
Com o seu filho, procure em revistas ou escreva duas vezes o alfabeto em uma folha de papel e recorte as letras. Após isso, coloque todas elas em um pote ou saquinho e sorteie dez delas. Vocês vão ter que formar o máximo de palavras possível no tempo determinado! É interessante que estimule a leitura em voz alta e juntando os sons se estiver no processo de alfabetização. 

O que mudou?
Esse é um jogo para exercitar a memória da sua família. Separe alguns objetos diferentes e deixe os participantes observá-los por um tempo. Tocar um pouco cada um também é uma opção para que a lembrança envolva outros sentidos e se fixe melhor. Peça para que todos fechem os olhos e guarde um deles. Depois pergunte qual não está mais ali. Se notar que é interessante dificultar um pouco a brincadeira, vocês podem fazer isso com um cômodo inteiro, peças de roupas, e até com desenhos. 

          E você? Tem alguma brincadeira que adora fazer em família? Esses momentos únicos não só contribuem para o desenvolvimento de cada um, como especialmente, para criar memórias únicas. Experimente!


Você viu que todos os nossos produtos estão com desconto de até 50%?

Visite www.teraplay.com.br  e aproveite!😊

Comentários

Postagens mais visitadas